27 fevereiro 2012

CupKeii - Explicações

Olá olá leitoras.
Desculpem a ausência.
Estava contando com se dispensada do trabalho mas acabou que vou continuar mais uma ou duas semanas.


Bem, antes de tudo. Muito obrigada por ler.
Esse vai ser um post longo, bem longo para falar a verdade, do único jeito que conheço para me expressar. Escrever.

Outro dia, comentei com uma amiga "poxa, eu postei isso no meu blog, visita lá"
Quando ela virou e falou "seu blog é sobre o que?" Fiquei sem resposta.
Tudo bem é para expressar minha opinião. Opinião sobre o que?
Sobre reviews e feedbacks. Mas aonde não tem isso?
Sobre o que é o blog afinal? Essa pergunta ficou pairando a minha cabeça durante muito tempo.
E como era carnaval aproveitei que as coisas só começam depois do feriado prolongado. -s

Quando quis começar esse blog, a ideia foi compartilhar apenas receitas. Depois fui abrindo o leque e hoje, tem de tudo.
Acho simplesmente incrivel blogs que conseguem manter o foco.
Como vários blogs lolitas, que apenas falam sobre lolita. Parece simples e óbvio não? Mas não é.


Gosto muito de lolita. Gosto mesmo. Mas é só porque me lembra época vitoriana. Como uma amiga um dia disse, é porque simplesmente Lolita é mais viável do que trajes de época.
Mas uma coisa que realmente me desanima muito em Lolita, são as pessoas.
Gente, querendo ou não, Lolita é apenas moda.
Você se veste. Ser lolita só implica que você usa aquela moda. Isso só diz que você tem a mente aberta. Por usar uma roupa que a maior parte das pessoas que moram perto de você vão achar estranho. Não importa o quanto você ache normal, você e suas amigas de outro estado podem estar achando super normal viver dessa maneira. Mas não é. É algo muito diferente para as pessoas se acostumarem de uma hora para outra.
Ajuda se você não tem vergonha de usar, se não tem vergonha dos seus pais, de não se trocar só no banheiro do shopping, de usar diariamente, ter mais pessoas ao seu redor para dar coragem.
Mas não só as pessoas que não são amantes do estilo. Não especificamente Lolita, mesmo que isso se aplique bastante a ele. Mas sim as pessoas que o usam. Elas são as que mais decepcionam.
As iniciantes começam empolgadas, querendo ajuda, pedindo opiniões e conselhos. E quando erram, simplesmente são tratadas como lixo.
Se não coloca uma meia mais certa ou se não usa anáguas, elas a tratam como lixo. Acho isso muito triste.
mesmo como seria a moda? As criadoras, criaram porque queriam inovar. E não é porque você não usou um sapato diferente ou faltou acessórios que está ruim.

E porque as pessoas entendidas, que são as antigas podem tudo. E as novatas não podem.
Isso sim me irrita profundamente.

Não consigo me focar em um estilo só, sou muito eclética e várias coisas me agradam ao mesmo tempo. Realmente tento me focar, preciso fazer mais listas mas mesmo assim é algo que demorar de me acostumar.

No começo não queria que o blog virasse tanto pessoal. Mas não consegui evitar. Não dar minha opinião sincera parecesse algo muito errado.

Quero poder postar o que quiser aqui. E dizer que não me importo se não vão comentar seria hipocrisia.
Claro que ler comentários concordando ou discordando das minhas idéias seria muito bom de ler.
Mas não posso obrigar ninguém a ler.

Sinto que não me expressei direito.
Mas acho que o mais importante foi dito.


11 comentários:

  1. SSSIIIIIIIIIIIIIIIIIM!!
    Eu ia fazer um post assim, mas acabei deletando pq me embolei nas palavras xD
    AMO a moda japonesa e tds os seus pedacinhos random por não tem essas malditas regras chatas, pessoas dizendo oq vc deve ou n usar!
    Ae tento ver como as pessoas reagem a essa moda, e descubro q andam criando regras D:
    ;3; q lindo q vc entende!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMG <3
      É assim que da gosto de saber quem entende.
      Sinto que não expliquei o que queria, e que ainda falta muita coisa.
      Pelo menos assim é um começo ;D

      Excluir
  2. nossa tu ja é a segunda pessoa que vejo que faz um post sobre esse tema, fico muito feliz, conheço lolita desde meus 9 anos ! hoje tenho 23 e em 2004 quando eu usava não tinha dessas coisas de regras apenas era diversao mas se torno uma paranoia de regras que perdeu a graça O-o perdi amizade de certo marmanjo do forum ( e eu comecei a estimula o rapaz a usa o estilo) so pq eu expressei minha opinião sobre que essas regras e a maldade de muitos magoavam as meninas e em vez de formarmos um grupo solido e formar mais amizades vejo que as meninas humilham as meninas que erram pequenas coisas e isso me deixa indignada! tenso muito tenso essa geração que aponta e quer mandar se pelo menos fossem delicadas....

    ResponderExcluir
  3. verdade,concordo contigo nana, é deprimente quando uma pessoa nova é taxada de"ita", por mais q ela erre na dose. Os iniciantes chega ficam com medo de tentar, acho q é errando q se aprende.
    Acho q ao invés de criticar, poderiam dar toques e ajudar o novato.
    É um preconceito desmedido vc tratar uma pessoa como se fosse um lixo, por ela não entender bem sobre a moda e acabar não combinando nada certo ou simplesmente por ela não andar com roupas de marca.
    Outras coisa q percebi é o preconceito contra góticos q as lolitas têm, não acho q por vc curtir outros estilos e se simpatizar por lolita seja errado, errado é o modo q as pessoas tratam as outras. Concordo q tem muito gótico q sai por aí dizendo q é lolita, mas q não tem nada a ver com o estilo, mas não acho q pelo fato de vc curtir outras coisas impeça q vc conheça lolita.

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que entendo o que você quer dizer, embora não seja algo com o que eu consiga me identificar.
    Eu nunca tive vergonha de me vestir diferente, nem nunca me importei com a opinião alheia nem nada do tipo. Quando as pessoas pedem uma opinião acho que esperam sinceridade e não puxação de saco, no entanto acho que aí tem dois problemas: tanto as pessoas que não sabem diferenciar gosto pessoal de itice (não gostar de algo não significa que esse algo seja errado) quanto as pessoas que não sabem diferenciar crítica construtiva de trollagem. Acho que algumas pessoas são mais sensíveis do que outras e não estão prontas para abraçar o estilo abertamente, seja por insegurança ou falta de apoio das pessoas próximas, e outras deveriam levar isso em conta na hora de opinar.
    Eu por exemplo que muitas vezes fui dura com algumas meninas sem pensar como elas reagiriam a isso. Considero isso insensível da minha parte pq, sendo como eu sou, me parece natural que algumas pessoas simplesmente falem o que pensam sem que para isso tenham que fazer rodeios ou usar eufemismos. Eu jamais penso que estão fazendo isso só pra me atingir, apenas que é o jeito delas. Mas com o tempo me toquei que as pessoas são diferentes, e várias delas são realmente muito sensíveis no que se refere a críticas e reprovação dos outros, e às vezes uma crítica pode ser vista como ofensa. Mesmo quando pedem alguma opinião sincera todo cuidado é pouco, afinal não sabemos como a pessoa lida com o que pode ser dito a ela, e mais importante: o que o estilo significa pra ela. Para algumas meninas são só roupas mesmo, e tudo bem receber críticas e sugestões. Para outras é um meio de se expressar, algo difícil de se fazer (pq como vc disse, não é visto como normal pela sociedade), mas que as faz felizes, e deve ser muito difícil ter pessoas que não aprovam a maneira como você o faz.
    Enfim, desculpe pelo comentário enorme, mas acho esse um assunto bem delicado mesmo e que merece alguma atenção. Seja como for acho que o mais importante nesses casos é que, se algo te faz feliz e você não quer ninguém atrapalhando isso, você não deve jamais buscar aprovação de ninguém além da sua própria, porque provavelmente vai se decepcionar.

    ResponderExcluir
  5. Negócio é postar sobre oq gosta e sobre oq vc é. Quem gostar, gosta. ^^

    ResponderExcluir
  6. Oi Hachiiko :3 Obrigada, eu gosto muito de desenhar, mas quando é pra desenhar para concursos e participar de coisas, realmente me falta coragem x3

    Tem que ir nesse ano!! LM.C é amor demais. Ainda surto quando lembro ;^;/
    E sobre a ideia de roteirista, se alguém der sugestões para tirinhas curtas, eu só quero desenhar! Não sou muito esperta para essas coisas, e estou aceitando ajuda externa x3

    Se você quiser participar, e/ou souber de alguém que tenha boas ideias, é só deixar comment ^^'



    Obrigada~~

    ResponderExcluir
  7. Eu acredito que mesmo as inovações tem algumas regrinhas, mas essas regras servem para que possamos estar mais organizadas e não para nos fundir o cerebro!
    Em lolita penso da mesma forma, porque tenho que usar sapatos importados que todas as lolitas usam se aqui perto de mim existem lojas fisicas que vendem excelentes sapatos que combinam em outfits que pretendo fazer?
    Eu penso que ainda preciso ler e pesquisar bastante sobre lolita, mas pelo que já li e sei, vi que muitas pessoas te traumatizam a toa. Graças a Deus na caminhada até lolita encontrei pessoas maravilhosas que me alertaram sobre possiveis erros, me ajudaram com compras e até hoje me auxiliam com minha dúvidas. O négocio é não deixar ser atingida por essas criticas maldosas!

    ResponderExcluir
  8. O blog é seu e você tem que escrever o que quiser nele.
    É como na época em que decidi criar um blog. Quando você quer criar um blog, sobre o que exatamente quer falar? Temos que criar um parâmetro. Eu decicdi que queria criar um blog informativo de moda que juntasse as coisas que eu mais amo: Moda, estilo e lifestyle. Todos voltados para a moda japonesa em si.

    Eu gostava muito do estilo Hime, por isso veio o nome do blog. Posto compras, novidades, tendências e tutoriais. Para mim isso é bom.

    Você pode criar um blog e escrever sobre tudo o que você gosta.

    Tudo o que você acha interessante para mostrar para quem visita o blog. É assim que você ganha ainda mais leitores e não só isso. Você passa a gostar de postar, sabendo que sempre vai ter algo interessante para passar para os outros.


    Essa história de veteranas e newbies sempre vai existir Conheci as lolitas muito antes das gyarus. Conheço algumas veteranas aqui do Brasil e elas realmente são assim. Mas cabe a você se enquadrar em um dos subs ( sweet, classical,etc...)

    Críticas sempre vão existir,mas nem por isso você pode deixar de fazer o que gosta.

    ResponderExcluir
  9. Olá, aqui é a Lady-chan do blog Japan loversz, estava procurando artigos sobre Fairy Kei e encontrei seu blog por acaso, achei ele muito interessante^^
    Gostaria de saber se vc quer fazer uma parceria? São blogs com estilos parecidos então eu ajudo a divulgar o seu^^
    Caso se interesse dá uma passadinha lá hehe
    Kissus!

    ResponderExcluir
  10. Lendo atrasada como sempre ¬¬'
    Perdoe sua amiga lerda e desligada, mas anyway, nós estávamos conversando sobre isso outro dia e você sabe que concordo com você em cada linha sem estar te fazendo favor nenhum por isso.
    Ainda sou novata, e não vou mentir, alguns meses atrás eu tinha um medo horrendo de como a "Sociedade Lolita" iria me enxergar, eu me esforcei, me apliquei, mas tive uma puta sorte de ter encontrado gente que me recebeu tão bem, conheço meninas que não foram tão felizardas e caíram fora de lolita profundamente magoadas.
    Independente de ser uma moda, de ter regras, nós somos pessoas, não objetos e não temo s a obrigação de acertar da primeira vez ou sermos perfeitas, aliás, temos a obrigação, sim de sermos todas diferentes ou a coisa ficaria muito chata e sem error não poderíamos melhorar ou rir do que passou.
    Mas não acho que nada disso tenha muito haver com o fato de você não ter um assusto definido pro blog kkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Olha, é seu blog pessoal, você coloca nele o que quiser, o meu também era pra ser algo mais objetivo, mas acabou não sendo e quando alguém pergunta simplesmente digo: ah é meu blog, tem coisa que eu gosto com lolita, livros, séries e talz.
    Não há nada de errado em sair do tema, em seguir varias vertentes de moda e o que for, só mostra que você é uma menina mente aberta e que tem muita coisa legal pra mostrar ;D
    Kisses <3

    ResponderExcluir

Thanks for comment, come back again (・ω・)

--

Obrigada por comentar, volte novamente (・ω・)

LinkWithin